visite outros bloggs requeri: assadeira manga chupada

domingo, novembro 16, 2008

a paulicéia recebeu o bom e velho metal veterano

a cada batida do metal rockeiro, click ... click no roxinho.


i'm a rocker, então basta de vadiagem por outros becos que não sejam os do meu rock'n roll!!!

judas priest, original de birmingham, a mais importante das cidades inglesas da conurbação west midlands, ou seja, um agrupamento de cidades que foram surgindo, juntas, uma ao lado da outra, com os mesmos interesses econômico/financeiros.
birmingham, além de ser o berço de algumas bandas importantes que integram a nação rockeira: traffic, living colour, black sabbath, the moody blues, ... sustenta dois times de futebol de certa relevância: aston villa fc e o birmingham city.

pois então, a judas priest nasceu ali, no ano 9 da década de 60, com uma harmonia dupla, a mistura da violência do black sabbat e a rapidez do led zeppelin, embalada com as roupas de couro e enfeites de metal que fizeram a cabeça dos metaleiros mais ortodoxos ou mais empolgados ... não sei bem ... o que eu sei, muito bem, é que as capas de seus discos são uma arte à parte ...
tudo começou quando ken - kk - downing na guitarra, ian hill no baixo, al atkins, com sua voz e john ellis na bateria, acharam que seria bom formar uma outra banda homenageando a música de bob dylan,
ballad of frankie lee and judas priest. no entanto, permaneceram pouco tempo na nova formação da segunda judas priest, e deram lugar à voz de rob halford e à bateria de john hinch. mais um tempo e glenn tipton juntou-se a eles com sua guitarra e estava formada a banda de heavy metal com um ineditismo copiado por alguns daqueles que vieram depois: a guitarra dobrada.
belo som!!!
depois do lançamento de
rocka rolla, em 1974, o troca-troca continua, desce da bateria john hinch, sobe alan moore que, depois, lá longe, em 1990 deixa o banquinho pra dar lugar a scott travis. em 1977 surgiram nas paradas inglesas e, em 1978, já tinham um nome a zelar e foram engrossar fileiras no new wave of british heavy metal, movimento revelador das bandas de metal inglesas. em 1992, rob halford sai pra voltar em 2003.
em 1980, dave holland assume a bateria para o álbum british steel e, em 1982 e 1984, a banda ganha notoriedade internacional com os discos screaming for vengeance e defenders of the faith respectivamente.

não canso de dizer que ninguém chuta cachorro morto e a judas priest não ficou livre de ter sua estória marcada por um boato provocado pela mídia infame e vendida: a morte de 2 garotos suicidas foi noticiada como responsabilidade da banda. muitos anos de julgamento e chegaram à conclusão que a verdadeira razão seria violência doméstica. no entanto, a vida da judas priest ficou marcada para sempre.

de 1986 a 1990, lançamento dos discos turbo e
painkiller respectivamente, houveram poucas mudanças. o primeiro, o mais polêmico da banda por haver introduzido instrumentos eletrônicos e o segundo, com o novo baterista, scott travis, rápido, moderno e violento sem fugir ao estilo da banda.

ripper owens, o novo vocalista, chega junto com o álbum jugulator, um heavy/thrash onde ele solta a voz e nada deixa a desejar a rob halford nos agudos - os dele são, realmente, agudos. a voz do halford é mais grave, melódica e agradável.
1998 e 2001 foram marcados pelos lançamentos de 98’live meltdown e
demolition. o de 98, um live de músicas antigas - live é sempre um live - com a qualidade da banda mostrada sem máscara, sem retoques de estúdio, no qual se sente a qualidade do trabalho de ripper owens cantando, além das suas canções, as músicas de rob halford. o de 2001, polêmico, firma a potência da voz de ripper owens e sua competência, além de trazer um hevy metal um tanto descaracterizado, segundo o preciosismo de alguns fãs.

dai, 2003, sai ripper entra halford, e a judas volta às raízes.

a vida continuaria até que, em 2008, enquanto rob halford declara ... talvez eu seja o único vocalista gay de metal! sampa recebe, ontem, a banda dos velhos metaleiros embalados em seus blusões e calças de couro, enfeitados com metais, tocando e cantando com pompa e circunstância, do jeito que só as bandas inglesas sabem tocar.


imagem de rockandmetaldomain.co.uk


2 comentários:

Lança disse...

Olá, tudo bem?

Obrigado por visitar meu blog. Pode usar sim os exercícios de escritório :D

Seu blog também está muito bom.

Abraço e sucesso :D

Lança disse...

Para copiar os exercícios é só copiar e colar, infelizmente você vai precisar formatar o post :(

 
Template by Mara*
requeri/2010