visite outros bloggs requeri: assadeira manga chupada

sexta-feira, maio 22, 2009

zé rodrix do rock brasileiro

hoje tem festa no céu pra receber zé rodrix. meus ídolos insistem em me deixar triste. rockeiro deveria ser proibido de morrer.





sá, rodrix e guarabyra, sua estória





Hoje ainda é dia de rock
(Zé Rodrix)

Eu tô doidin por uma viola
Mãe e pai, de doze cordas e quatro cristais
Pra eu poder tocar lá na cidade
Mãe e pai, esse meu blues de Minas Gerais
E o meu cateretê lá do Alabama
Mesmo que eu toque uma vezinha só
Eu descobri e acho que foi a tempo
Mãe e pai, que hoje ainda é dia de rock

Que hoje ainda é dia de rock
Que hoje ainda é dia de rock
Eu descobri olhando o milho verde
(eu descobri ouvindo a mula preta)
Mãe e pai que hoje ainda é dia de rock

Eu tô doidin por um pianin
Mãe e pai, com caixa Leslie e amplificador
Pra eu poder tocar lá na cidade
Mãe e pai, um rockizinho para o meu amor
Depois formar a minha eletrobanda
Que vai deixar as outras no roncó
Eu descobri e acho que foi a tempo
Mãe e pai, que hoje ainda é dia de rock

Que hoje ainda é dia de rock
Que hoje ainda é dia de rock
Eu descobri olhando o milho verde
(eu descobri ouvindo a mula preta)
Mãe e pai que hoje ainda é dia de rock

3 comentários:

Lobodomar disse...

Boa noite.


Sou fã do Zé Rodrix. Desde os tempos que ainda formava trio com Sá e Guarabyra.

Ainda ontem assisti 'Zumbido', programa veiculado pelo Canal Brasil e apresentado por Paulinho Moska. O artista da vez era Zé Rodrix. Foi sensacional, pois ele falou coisas muito interessantes sobre a arte de compôr e sobre o prazer de viver; além, claro, de cantar algumas de suas canções inesquecíveis.

Na madrugada, quando li a notícia, no portal do MSN, ficou uma sensação muito estranha; talvez porque, há poucas horas, eu havia me deliciado com suas idéias e canções.

Agora, restam a memória e os discos. Enquanto durarem.

Rê,... bela postagem - como sempre. Merecida homenagem ao nosso Zé Rodrix.


"Dentro da baleia, mora o Mestre Jonas..."


Grande abraço, Rê.

Jorge Fortunato disse...

Oi Regina Claudia
´
Zé Rodrix partiu, mas deixa uma bela obra e uma herdeira talentosa a cantora e atriz Marya Bravo.
Foi uma notícia triste. Lembro do Zé num macacão cheio de paetês cantando "Soy latino americano"... uma figura. Vai fazer falta.
bjs

Sissym disse...

Rê, eu tinha certeza que vc escreveria algo a respeito, somente agora comento, ficamos tristes em parte, porque quando chegarmos no alto o encontraremos.
Eu adorava ele, e felizmente posso lembrar dele, vivi este tempo.
Beijocas.

 
Template by Mara*
requeri/2010